Confiança

 

O homem ficou observando uma criança que, sozinha, aguardava na sala de espera para embarcar no avião. Quando o embarque começou, a criança passou tranquilamente, ingressou na aeronave e procurou sua poltrona, que ficava do lado dele. 

Se cumprimentarem com um bom dia, e a criança tirou um livro de sua mochila, para desenhar. Em momento algum mostrou ansiedade ou preocupação, nem na decolagem nem mesmo durante o voo, apesar do avião se movimentar muito. 

A turbulência brusca assustou vários passageiros. Mas a criança parecia encarar tudo com a maior naturalidade. Uma das passageiras, sentada bem atrás dele, estava preocupada e perguntou: "Não estás com medo?" 

- Não senhora, não tenho medo, respondeu ele, levantando os olhos de seu livro. Meu pai é o piloto! 

Confiança... que importante é poder tê-la, e que difícil é, às vezes, senti-la. Que significa a palavra confiança? 

A confiança é a emoção positiva que surge na lida com os outros; a confiança se constrói com ações. 

Que ações poderíamos dizer que constroem confiança no outro, ou que nos tornam mais confiáveis? 

Talvez nosso dizer tenha que ser consistente com nosso fazer, tenhamos que cumprir com nossa palavra e fazê-la ter valor. Se nos comprometemos a fazer alguma coisa, fazê-la. 

Que o outro possa confiar na minha sinceridade. 

É importante refletir que da mesma forma que podemos construí-la, a podemos destruir quando não somos consistentes com aquilo que dizemos. Construí-la pode nos levar meses, enquanto que destruí-la é questão de segundos. 

Por que dizemos que vamos fazer algo, quando sabemos que não vamos conseguir cumpri-lo? 

O que aconteceria se, em vez de falar levianamente, pudéssemos ter um olhar especial às nossas palavras e só prometer aquilo que temos certeza podemos cumprir?