Por quê

Certa vez uma mulher lhe perguntou a uma mulher sábia porque seu matrimônio parecia uma corrente interminável de discussões.

Ela tinha preparado uma longa lista de perguntaspara consultar a mulher sabia e todas elas começavam com as palavras "Por que?". 

Por que acontece isto com a gente?

Por que não encontro solução?

Por que, por quê e por quê.

A sabia mulher lhe sorriu com tristeza e lhe disse: realmente fizeste uma boa tarefa, mas o que tu trouxeste é uma tarefa que não serve, já que te leva a procurar explicações, sem te dar a resposta e te dizer que rumo pegar. Sugiro-te que mude na tua lista a palavra "Por que" para "Que" e sentiras como o mundo se abre para ti.

As vezes o que necessitamos e mudar de pergunta em vez de encontrar respostas para elas. Nossas perguntas determinam nosso pensamento e nossa predisposição para agir. 

Assim podemos dizer que nossos pensamentos criam o tipo de vida que temos, por isso si queremos mudar nossa qualidade de vida necessitamos mudar o tipo de pergunta que nos fazemos. 

Quando vemos alguém capaz para afrontar os desafios da vida, solemos pensar na sorte que tem, o que nasceu com esse talento, sem pensar que o que o diferencia é sua capacidade de se fazer perguntas.

Que nos deixou esta semana que terminou?

Que desejamos para a próxima semana? 

De que nos orgulhamos?

Com que estaremos realmente dispostos a nos comprometer?